Saindo da Bolha que eu Mesma Criei

Por Isadora Xavier - maio 25, 2017


Há uns dias venho pensando sobre o que falar neste primeiro post e depois de quase fritar os meus miolos pensando sobre essa questão tão simples, olhe só que surpresa: resolvi falar um pouco sobre mim e o que estou vivendo agora. Não queria começar postando uma playlist, respondendo uma tag ou fazer este texto soar autobiográfico demais, tipo, "sou Isadora, tenho tantos anos e blá, blá, blá". Queria escrever algo um pouco mais significativo, um ponto de partida, não só por ser o primeiro post do blog,mas falar também do ponto de partida que quero dar à minha vida.
Nestes últimos meses, as questões emocionais que me afligem faz tempo, começaram a me angustiar de um jeito que eu não conseguia mais reprimir e  eu precisava desabafar. Hoje tive a minha primeira consulta com um psicólogo, e é incrível como ele me fez enxergar as coisas como elas realmente são, calma, sei que você não está entendendo nada, mas aqui vai: eu sempre fui extremamente tímida, tenho dificuldades extremas de socializar com as pessoas, medo de ERRAR, medo de SER QUEM EU SOU, medo de que as pessoas vejam meus defeitos, medo de me amar, de me mostrar ao mundo... resumindo, eu tenho medo de viver e como completei 21 anos recentemente, o que posso constatar é que dos meus 15 aos 20 anos mal vivi a minha adolescência e sequer comecei a viver a minha juventude.
Eu estava precisando da opinião de um profissional e ele me fez enxergar de verdade o que todo mundo já falava, mas eu teimosa insistia em não ouvir, querendo apenas continuar nessa minha zona de conforto, nessa bolha que mais é uma prisão que eu criei para mim, onde eu me acomodo e me escondo de mim mesma, onde não quero errar e quero que as pessoas me vejam e me aceitem como uma pessoa sem defeitos, mas não existem pessoas sem defeitos, não existem pessoas perfeitas. Eu sei que preciso me aceitar e gostar de mim do jeito que eu sou,  e quando isso acontecer, eu vou realmente estar bem e o que vier de bom e de ruim é consequência, assim caminha a humanidade, assim se vive. 
Preciso aprender a viver, com meus erros e acertos, sendo quem eu sou, e quero que o blog faça parte desta minha mudança necessária, quero me sentir verdadeira quando escrevo, falar sem medo sobre coisas que amo, que me agradam e me incomodam, coisas reais que quero e sinto vontade de compartilhar com vocês. Se eu puder trazer algo de bom que inspire, motive ou simplesmente deixe vocês alegres já é muito pra mim.
Faz tempo que não me sinto tão à vontade escrevendo sobre algo, ainda mais essa coisa sendo sobre mim. Espero sentir essa sensação boa, toda a vez que eu me sentar na minha escrivaninha para produzir um post. Algumas coisas só dependem de nós para começarem a acontecer, nós só precisamos ter coragem de dar o primeiro passo, nada como um dia após o outro (alô Tiago Iorc haha), eu quero me dar essa chance e vou dar, crescer, dói e ninguém me disse que é fácil, mas de uma coisa eu consigo ter certeza, mais vale viver do que sobreviver.

  • Compartilhe:

Você Pode Gostar Também

18 comentários

  1. Oi?!
    Gente, socorro....eu me vi SUPER nesse seu texto Isa, ainda mais na parte do

    " eu sempre fui extremamente tímida, tenho dificuldades extremas de socializar com as pessoas, medo de ERRAR, medo de SER QUEM EU SOU, medo de que as pessoas vejam meus defeitos, medo de me amar, de me mostrar ao mundo... resumindo, eu tenho medo de viver e como completei 21 anos recentemente,o que posso constatar é que dos meus 15 aos 20 anos mal vivi a minha adolescência e sequer comecei a viver a minha juventude."

    Mas, no meu caso, tenho 26 e terei minha primeira consulta na segunda feira. Sei que demorei um pouco para procurar ajuda, mas, na minha cabeça, eu não precisava.....Sempre fui quietinha, na minha....até surtar no fim de semana passado: Eu joguei tudo no chão e chorei. Não queria mais fazer curso nenhum, estou super desanimada com o blog (raramente recebo comentários), não consigo arranjar emprego (currículo vazio), um namoro de 7 anos que está me cansando e eu não consigo terminar...
    entendeu né, desanimo total com a vida..

    Agradeço pelo seu desabafo, espero conseguir fazer o meu também. Beijos! :*
    http://pergaminhosnamesa.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado, eu também achava que não precisava, na minha cabeça, tudo o que eu sentia era da minha personalidade e não havia nada de errado com isso, mas a partir do momento que isso me prejudica de fazer amizades, arrumar um emprego e me tornar uma anti-social, sim, isso é um problema, e graças à ajuda do psicólogo estou conseguindo ver as coisas de outra maneira, espero que seu psicólogo também te ajude e mais uma vez obrigada por ler o post, beijos!

      Excluir
  2. Caramba você fez esse texto pensando em mim ou sou eu nesse texto? ahaha amei ele de paixão pois eu tenho muita mania de criar essas bolhas e me alojar nelas. Amei esse texto como eu amo seu blog e a parte que mais me tocou no texto foi ter medo de quem eu sou! Eu vivia com medo de viver! haha amei forte. Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que comentário mais amor,fico muito feliz que você tenha gostado 💖 Bjs!

      Excluir
  3. Mas amore seu texto é a coisa mais linda que eu já li hoje ♡
    Foi um super diferencial de tantos blogs do dia a dia ♡ ganhou meu coração logo no primeiro de muitos posts que Estão por vir.
    Você já é um grande sucesso e tem um talento e tanto com as palavras.
    Parece que descreveu da alma de cada uma aqui ♡
    Beijinhos e sucesso!

    www.segredosdajuhcosta.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Comentários assim, fazem valer a pena essa vida de blogueira, muito obrigada mesmo, me emocionei mesmo 💖 Bjs!

      Excluir
  4. Nossa me identifiquei muito, é verdade minha timidez também me atrapalha a viver estou cansada disso, enfim espero que dê tudo certo para você beijo 😘

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desejo tudo de bom para você também,se você puder procure ajuda profissional e vire minha amiga, a gente pode conversar, bjs 💖

      Excluir
  5. Esse texto me faz refletir de como eu era! sempre fui tímida também mas foi por conta do bullying que sofri na época de escola, vivi no meu mundo durante muito tempo e o blog me ajudou a me expressar melhor!

    Parabéns pelo texto ficou incrivel!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz que você tenha gostado 💖 O blog também está me ajudando muito a me expressar como você pode perceber haha Eu fico feliz que vocês estejam falando, nós precisamos falar! Bjs!

      Excluir
  6. Caramba como eu me identifiquei com esse texto! eu não sou uma pessoa exatamente tímida, mas eu não gosto de socializar com pessoas, sinto uma dificuldade enorme de conviver com pessoas, e ainda mais se eu não conhecer isso já se tornou um problema grave pra mim, me fazendo desistir de coisas importantes sabe? é uma coisa completamente complicada. Eu sempre tive receio de ser quem eu sou,de fazer algo errado, de me preocupar com o quê vão pensar sobre mim.

    Aos poucos estou saindo dessa bolha, e espero que você também consiga! seu texto foi maravilhoso.



    Visite o Beleza Nerd

    Curta a Fã Page | Me siga no Instagram

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desejo que você progrida mais e mais e obrigada pelo carinho 💖

      Excluir
  7. Meus parabéns por ter procurado um profissional, isso vai te ajudar muito no que voc quer, e além disso, vai te propiciar autoconhecimento. Você começou bem escrevendo, isso te ajuda a entender suas emoções, sugiro que mostre esse texto para seu psicólogo. Beijos, linda!

    ResponderExcluir
  8. Excelente texto para começar seu blog, bem inspirador e que mesmo que não seja intencional você me tocou e com certeza apareceram muitas outras meninas que se identifique com você e no caso com seu desabafo.
    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado 💖 Os comentários de vocês me deixam muito feliz, obrigada, bjs!

      Excluir
  9. Nossaaah... me reconheço totalmente com essa parte em que você fala sobre a timidez, dificuldade de socializar... Irei fazer esse ano minha faculdade e estou preocupada, como vai ser eu sozinha, tendo que fazer amizade!😓, mas uma meta que coloquei pra mim é a de fazer novos amigos... então, espero que aconteça😁. Ah e já fui a uma psicologa, ela era um porto seguro, pena que fui apenas duas vezes!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu espero de coração que você consiga, sei como é dificil fazer amigos no colégio ou em escola, mas acho que tudo começa com a tentativa, se dê uma chance e vê no que é que vai dar, bjs!

      Excluir